12 de janeiro de 2018

"Contra o aborto e a favor da pena de morte; Adoro Direito penal, mas bandido bom é bandido morto"!

A primeira máxima do título é um retrato do Brasil; a segunda, um retrato de parcela significativa dos discentes de Direito - felizmente, quando se tornam advogados da área, passam a ter nova e menos preconceituosa visão do que é justiça!  

É compreensível que estudantes pensem assim; entretanto, começando na advocacia, alguns pela necessidade, outros pela vocação, entenderão que desejar (ser a favor) da pena de morte para criminosos e corruptos é como torcer pelo extermínio do "ganha pão"!

Quando ainda estava na Faculdade (há muito tempo) um professor disse, em sala de aula: "Muitos aqui apaixonarão pelo Direito Penal, mas é com o Civil que casarão"!  Certo estava ele, pois os que seguirem com a convicção de que "bandido bom é bandido morto" serão os fracassados do Direito Penal! 

*Informações sobre cursos online Direito e mais AQUI!

Seguramente alguns leitores (estudantes ou não) dirão que é só partir para uma área do Penal que não se defenda bandido; assim estará tudo bem - e as convicções preservadas!   

Ledo engano,  hipocrisia ou "inocência"!

Praticamente toda classe de pessoa que necessitar de Advogado penalista é "bandido" (com raras exceções).  

Exemplo de casos que independe de índole: Pessoa que atropelou e matou alguém acidentalmente e estava ou não embriagado; pessoa que tem porte de arma e, sem querer, atinge alguém; pessoa que matou um invasor de seu domicílio; pessoa que matou o estuprador ou pedófilo da(a) filha(o); mãe que mata marido por flagrá-lo estuprando filha; mulher que, cansada de apanhar e ser ameaçada, mata marido, etc.   

Morte - pena de morte

Como podem perceber, advogar na área criminal, só nas exceções, não paga as contas (é restrito demais)!  

Por outro lado, se você não tem "bandido de estimação"; considera todos igualmente criminosos (políticos corruptos, sonegadores, criminoso de colarinho branco, contrabandistas, traficantes, estelionatários, apropriadores de contribuição previdenciária, etc) e não quer ninguém morto para pagar pena, terá uma "extraordinária" gama de clientes! 

As pessoas têm que entender que bandido é bandido e ponto!  Você ter o seu de "estimação" não faz dele menos bandido!

Contra o aborto e a favor da pena de morte!

Quanto ao aborto e a pena de morte, o que impera, em nosso entendimento é a hipocrisia! 

Como pode alguém ser contra o aborto e a favor da pena de morte?

Considerar um embrião em formação, um zigoto, "mais gente", mais ser humano que alguém com vida extra-uterina e personalidade jurídica formada, é inadmissível; todavia, compreensível em uma sociedade como a nossa; composta, em grande parte, por moralistas-assassinos e corruptos!

Muitos brasileiros preferem ver criança abandonada em orfanato ou pedindo esmola na rua, que admitir aborto! 

Nesse diapasão, preferem matar uma pessoa linchada (por boato de pedofilia, estupro ou sequestro de criança) que dar-lhe o direito a uma defesa justa e igualitária, consagrada pela Constituição e pela Declaração Universal dos Direitos Humanos!   

DUDH
(...)
Artigo XI 1.
Todo ser humano acusado de um ato delituoso tem o direito de ser presumido inocente até que a sua culpabilidade tenha sido provada de acordo com a lei, em julgamento público no qual lhe tenham sido asseguradas todas as garantias necessárias à sua defesa.


Nunca é tarde para rever os PRÉ-conceitos!